Tapping no supermercado

…Parece que foi ontem.
Em 2007 estava pela primeira vez na Europa, mais especificamente em Toledo na Espanha para um curso de Cure Tapping nos linfedemas porque por aqui não havia muita informação nessa área. O lugar do curso foi na Universidade Castila de La Mancha, muito próxima ao centro histórico da cidade.
A terra que “adotou” o artista El Greco, mistura em suas ruas e seus moradores três culturas que juntas construíram a cultura hispânica e deram a ela uma riqueza capaz de espalhar e se fixar pelo mundo afora. Cristãos, árabes e judeus ergueram igrejas, mesquitas, sinagogas e mesclaram seus costumes de forma única e ainda preservado por entre os muros de Toledo.
A volta agora em dezembro de 2014 foi mais calma e pude curtir um pouco mais a cidade que eu adoro.
Poucos dias depois estava eu na Alemanha e em um supermercado e encontrei o livro da foto e o Tapping a venda por 5 euros. O livro tem 40 páginas. Trata-se de um livrinho bem pequeno com algumas poucas aplicações do Tapping para a pessoa olhar e aplicar em si própria.
Uma surpresa pra mim e uma surpresa maior ainda foi passar por Toledo aonde fiz o meu primeiro curso de tapping e em seguida encontrar o livrinho… coisas da vida.
Você acha que o paciente é capaz de aplicar sozinho a técnica?
Dê a sua opinião utilizando o formulário para comentários que está logo abaixo.
Até a próxima postagem e feliz ano novo pra todos.
Tapping-no-supermercadoII

2 comentários em “Tapping no supermercado”

  1. Acho meio forçação de barra vender o tape diretamente ao paciente ainda com um manual de como aplicar ignorando toda uma avaliação, o porque do desconforto acho que pode ser até perigoso.

  2. Se eu que fiz o curso sinto dificuldade de colar em mim mesma, fico imaginando uma pessoa leiga e desconhecedora da técnica. Pois sabemos que existem tensões a serem aplicadas e posicionamento de músculos pra se respeitar….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.