Relaxamento muscular: o que é, técnicas e dicas para fazer

Você sabia que a tensão muscular pode ter causas físicas e emocionais? Veja técnicas para relaxar os músculos.

É  natural que depois de um dia estressante ou de uma atividade física intensa, sintamos algumas dores musculares e uma vontade forte de relaxar. Mas você sabe o que é o relaxamento muscular e como fazer ele acontecer?

O que é relaxamento muscular

O relaxamento muscular é um alívio da contração muscular por um certo período de tempo. Trata-se de uma distensão da musculatura que pode ocorrer com o auxílio de remédios, exercícios ou técnicas de relaxamento, como explica o fisioterapeuta Mateus Martinez.

Ele acontece quando há uma diminuição da concentração de cálcio nas células, responsável pela contração das fibras musculares, que ficam nesse estado de tensão devido a algum estímulo nervoso (seja físico ou emocional).

Por isso, o relaxamento muscular é fundamental para o bom funcionamento das fibras. “É por meio dele que conseguimos nutrir mais a fibra e evitar sua fadiga”, aponta o fisioterapeuta Fernando Zikan. Principalmente porque, quando tensionadas, elas correm mais risco de sofrer lesões e ocasionar dor.

No entanto, o cálcio não é o único responsável pela contração e pelo relaxamento dos músculos. Há ainda uma série de fatores que podem influenciar nisso, como agentes químicos (neurotransmissores, moléculas de energia), agentes físicos (alongamento, agulhamento) e psicológicos, segundo Martinez.

Portanto, o importante é identificar o que está causando determinada tensão muscular e atuar nela. “Se a tensão muscular for causada pelo excesso de cálcio, o ideal é regular a concentração dele para que o problema seja resolvido. Ao mesmo tempo, é possível lançar mão de algumas técnicas de relaxamento que consigam distender o músculo momentaneamente”, orienta.

Momento ideal para relaxar

Técnicas de relaxamento muscular podem ser feitas em casa - Créditos: ESB Professional/Shutterstock
Técnicas de relaxamento muscular podem ser feitas em casa – Créditos: ESB Professional/Shutterstock

Em geral, o momento do dia em que este relaxamento deve acontecer é durante o sono profundo. “Nesse período, desligamos nosso sistema de vigília e conseguimos relaxar e potencializar as ações sobre a fibra muscular”, explica Martinez.

Quem não consegue chegar nesse momento mais profundo do sono acaba acordando cansado, pois não teve a oportunidade de ter o relaxamento muscular adequado, o que tende a levar a fibra à fadiga crônica.

Relaxantes musculares

Não são só remédios que são considerados relaxantes musculares. Existem diversos tipos, mas os principais são:

1- Massagem

Promove um aquecimento local e melhora da circulação sanguínea, facilitando o relaxamento da contração muscular.

2- Alongamento

Realiza um estiramento das fibras musculares, o que alivia e relaxa o músculo.

3- Exercícios de contração muscular leve

Gera uma contração suave dos músculos, que ajuda a relaxar aquela contração sustentada da musculatura.

4- Bolsa de água quente

Aquece a musculatura aumentando o fluxo sanguíneo local, o que facilita o relaxamento das fibras musculares.

5- Medicamentos

Existem diversos remédios com capacidade de relaxar a musculatura. Para saber qual é o melhor para cada caso, o ideal é sempre procurar um médico. Também é importante lembrar que relaxante muscular em si não tem ação analgésica sozinho.

Segundo o médico ortopedista Thiago Santos, da clínica Climedin, a eficácia dos medicamentos para esse fim é bem parecida e varia de acordo com a quantidade ingerida.

Então, apesar de ser seguro tomar remédio considerado um relaxante muscular, existem algumas contraindicações que devem ser discutidas antes. “Pessoas que têm arritmia cardíaca, por exemplo, não podem utilizar qualquer relaxante. Por isso, a escolha vai depender de cada pessoa e de cada patologia”, diz.

Relaxante muscular dá sono?

Além disso, a grande maioria dos relaxantes musculares dão sono, de acordo com o ortopedista. Alguns dão menos, outros dão mais e o efeito “sonolento” vai depender do organismo de cada paciente.

Técnicas de relaxamento muscular

  • Alongamento
  • Automassagem
  • Liberação de ponto gatilho
  • Meditação conduzida
  • Yoga

1- Alongamento

Alongamento diário ajuda a relaxar músculos

Faça um alongamento puro, ou seja, alongue a musculatura que se deseja relaxar e mantenha a posição por 1 minuto. Confira em detalhes como fazer:

2 – Automassagem

A automassagem pode ser também uma técnica bem eficaz para conseguir relaxar a musculatura. Ela pode ser feita com suas próprias mãos ou com objetos, como uma bola de tênis que pode ser pressionada na região afetada.

3- Liberação de ponto gatilho

A técnica chamada de “liberação de ponto gatilho” consiste em achar um ponto doloroso no músculo que está tenso e pressioná-lo com bastante força usando o dedo. É indicado pressionar por 1 minuto, ou até que a dor da pressão cesse.

Essa técnica faz com que o ponto gatilho (local do músculo que tem maior tensão e contração local de fibras musculares) relaxe, aliviando a contração de todo o músculo.

4- Meditação conduzida

A meditação ajuda no controle da mente e de seus impulsos excitatórios, que podem ocasionar a tensão dos músculos. Você pode procurar vídeos na internet, aplicativos e até livros para praticar.

5- Yoga

A yoga é outra técnica que auxilia no controle mental. É muito bem vinda para o treinamento de nosso sistema nervoso regulador e auxilia no relaxamento de todo o corpo.

Exercícios para relaxar os músculos

Os exercícios mais efetivos para relaxamento muscular são os chamados “contrai e relaxa”. Nesse tipo de técnica, a pessoa faz uma contração forte e sustentada da musculatura que visa relaxar por aproximadamente 10 segundos.

Após esse tempo, a pessoa relaxa completamente e realiza um alongamento da mesma musculatura por também 10 segundos. Repete-se isso por 3 a 5 vezes e obtém-se um ótimo resultado de relaxamento muscular.

Além disso, exercícios aeróbicos leves podem ajudar a relaxar a musculatura, especialmente se forem feitas na piscina e com água aquecida.

Mais dicas para relaxar

Liberação Miofascial: para que serve e como fazer

Exercícios para alongar e relaxar ombros e pescoço

Alivie as dores causadas pelo excesso de esforço físico

Fontes consultadas

Fisioterapeuta Matheus Martinez, mestre em Fisioterapia Esportiva pela University of Queensland, na Austrália, Diretor de Fisioterapia na Pés Sem Dor e membro da Australian Physiotherapy Association (APA)

Fisioterapeuta e professor Fernando Eduardo Zikan, da Faculdade de Medicina UFRJ, e Coordenador de Ensino Associação Brasileira de Fisioterapia Traumato Ortopédica – Abrafito.

Médico Ortopedista Thiago André de Oliveira Santos, da Clínica Climedin, membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia e da International Society of Arthroscopy Surgery and Orthopedic Sports Medicine

Fonte: https://www.minhavida.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.