Parceria entre hospitais públicos de Goiás e Incor (SP) capacita fisioterapeutas no tratamento da Covid-19

Profissionais do Hutrin e do HRSLMB participaram do curso online sobre fibrose pulmonar

Uma parceria inédita entre os Hospitais de Urgências de Trindade (Hutrin) e o Regional de São Luiz de Montes Belos – Dr. Geraldo Lando (HRSLMB), em Goiás, com o Instituto do Coração (Incor), do Hospital das Clínicas de São Paulo, capacitou um grupo de fisioterapeutas das duas instituições goianas.

O curso online “Ventilação mecânica em fibrose pulmonar e doenças restritivas” foi ministrado pelo especialista e fisioterapeuta Arthur Eduardo Oliveira da Silva, um dos responsáveis pela UTI respiratória do Incor e supervisor de estágio do programa de especialização de fisioterapia cardiorrespiratória. A capacitação teve como objetivo elucidar e discutir as melhores e mais eficazes formas de tratamento para pacientes com doenças restritivas em suporte ventilatório invasivo. Foram discutidas estratégias que viabilizam a diminuição das lesões pulmonares em decorrência da ventilação, que refletem em menos tempo de suporte mecânico.

“Ter aula com um dos fisioterapeutas que compõem a equipe da UTI respiratória do Incor foi gratificante para toda a equipe. A UTI respiratória deles é considerada o local mais avançado, no Brasil, em tratamento de pacientes com pneumopatias graves como a fibrose. Trazermos essa experiência para o Estado de Goiás é muito importante porque nos faz sentir mais preparados para lidar com a doença”, diz o coordenador de fisioterapia do Hutrin Jucelino Libarino.

Segundo Organização Mundial da Saúde (OMS), a dificuldade para respirar está relacionada a mais de 19% dos casos confirmados da covid-19. As pessoas portadoras de doenças crônicas (hipertensão, diabetes, asma, DPOC, fibrose pulmonar prévia e entre outras) podem ter uma maior probabilidade de apresentar sintomas graves do coronavírus, podendo muitas vezes evoluir para um quadro de intubação.

O aparecimento da fibrose pulmonar, segundo Libarino, pode ocorrer naturalmente ao longo dos anos após exposição a substâncias lesivas ao parênquima pulmonar (amianto, cal, fuligem de fumaça, aerossóis etc), transformando o epitélio respiratório em tecido fibroso e uma insuficiência respiratória permanente. Em pacientes com Covid-19, o aparecimento da doença pode ocorrer de forma aguda, em dias ou semanas. A doença é incurável, mas existem medicamentos que desaceleram sua evolução e proporcionam qualidade de vida aqueles que possuem.

Sobre o Hutrin

O HUTRIN (Hospital Estadual de Urgências de Trindade Walda Ferreira dos Santos) é uma unidade de assistência, ensino e pesquisa, que integra a Rede Estadual de Hospitais de Urgências e Emergências do Estado de Goiás (Rede HUGO). O Hospital tem 48 leitos, sendo oito de UTI, perfil assistencial voltado para baixa e média complexidade em clínica obstétrica, clínica cirúrgica e clínica médica e clínica ortopédica sendo referência para Trindade, onde está localizado, e as cidades vizinhas. Desde o dia 25 de agosto de 2019, o HUTRIN encontra-se sob a gestão do Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento – IMED, uma Organização Social (OS) que se destaca pela prestação de serviços e desenvolvimento de projetos que proporcionem bem-estar, saúde, cidadania e dignidade às pessoas. O IMED administra o HUTRIN para que ele funcione com qualidade 24 horas por dia, todos os dias da semana.

Fonte: https://www.segs.com.br/saude/262549-parceria-entre-hospitais-publicos-de-goias-e-incor-sp-capacita-fisioterapeutas-no-tratamento-da-covid-19

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.