O fisioterapeuta português que tratou a 2.ª melhor do Mundo

Quando Carlos Sales foi contratado em janeiro deste ano para integrar o corpo médico do Paços de Ferreira, nunca imaginaria que rapidamente iria viajar para o outro lado do Atlântico para uma aventura nos Estados Unidos. Isto após ser contactado para fazer parte do staff de Simona Halep, 2.ª do ranking mundial, durante os torneios de Indian Wells e Miami, entre março e o início de abril.

Curiosamente, as portas dos Estados Unidos abriram-se no… Dubai! “A Simona lesionou-se no Torneio do Dubai e como os médicos do WTA não conseguiam perceber qual era o problema físico, socorreram-se do departamento médico do clube de futebol do Al-Ahli, que era composto apenas por portugueses. A recuperação da atleta foi um sucesso e o seu preparador físico pediu depois aos médicos que aconselhassem um fisioterapeuta para a acompanhar nos torneios americanos. Lembraram-se de mim”, explicou Sales, ainda extasiado como se fosse o dia em que recebeu um telefonema a propor-lhe trabalhar com uma das melhores atletas do Mundo.

“Estava receoso no início porque sabia que ela tinha de estar sempre nas plenas condições físicas para poder haver jogo. Não é como no andebol, por exemplo, onde um jogador pode substituir outro. Mas a experiência foi importante para ganhar mais confiança”, garante.

Loucura romena

Simona Halep esteve um mês nos Estados Unidos, mas a atmosfera vivida nos complexos desportivos onde decorreram os torneios mais pareciam ser na Roménia. “Parecia que estava a jogar em casa. Só se viam romenos nas bancadas a apoiar a Simona. As organizações dos torneios conversavam com ela e achavam piada ao fenómeno”, lembra Carlos Sales.

“Ela era constantemente abordada pelas pessoas nas ruas enquanto passeávamos. Até lhe perguntei se não ficava incomodada porque não conseguia relaxar devidamente, mas ela respondeu-me que conseguia lidar sem problemas porque é bem mais calmo que no seu país. Na Roménia até nos restaurantes fazem fila para lhe pedirem um autógrafo”, revela.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.