Morre professora Lygia Paccini, vice-diretora da escola de fisioterapia da UFMG

Fisioterapeuta, chegou o Fisio.app | Aplicativo para fisioterapeutas. Baixe agora mesmo em www.fisio.app,

Após cremação do corpo, as cinzas serão lançadas no jardim da rampa de acesso ao prédio da Fisioterapia e Terapia Ocupacional, situado no campus Pampulha.

Morreu nesta quinta-feira (17), aos 58 anos, a professora Lygia Paccini Lustosa, do Departamento de Fisioterapia da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional da UFMG (EEFFTO). Ela era vice-diretora da escola desde 2017, onde dava aulas há uma década. Segundo informações da universidade, ela sofria com um câncer há dez meses.

Ainda de acordo com a UFMG, o corpo de Lygia será cremado nesta sexta, no Parque da Colina, após velório reservado aos familiares e amigos. A pedido dela, as cinzas serão lançadas no jardim da rampa de acesso ao prédio da Fisioterapia e Terapia Ocupacional, situado no campus Pampulha. 

A reitora da UFMG lamentou a perda: “A Universidade está em luto. Sentiremos muito a falta dela”, disse Sandra Regina Goulart Almeida.

Pelo Facebook, o Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 4ª Região também prestou homenagens a Lygia e lembrou as áreas de atuação da professora: gerontologia, síndrome de fragilidade, reabilitação, desempenho funcional muscular e sarcopenia. “Neste momento de tristeza, nos solidarizamos com os familiares, ratificando nosso voto de pesar pela grande perda e agradecimentos à dedicação e trabalho prestado à profissão”, publicou o Conselho em nota.

Graduada em Fisioterapia pela UFMG, Lygia Paccini Lustosa cursou mestrado e doutorado em Ciências da Reabilitação, também na Universidade. 

Fonte: https://www.otempo.com.br/cidades/morre-professora-lygia-paccini-vice-diretora-da-escola-de-fisioterapia-da-ufmg-1.2386811

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.