Mineiro é o primeiro tetraplégico do Brasil a voltar a andar

Continua após anúncios...

Bruno Medeiros dá seus primeiros passos após 8 anos, graças a uma técnica inovadora de R$ 600 mil

Um fato marcante para a medicina brasileira: após passar oito anos em uma cadeira de rodas, um engenheiro de 32 anos, deu seus primeiros passos. Bruno Medeiros, mineiro de Santa Rita do Sapucaí, ficou tetraplégico ao sofrer um grave acidente de carro que afetou a sexta vértebra da coluna cervical. Em seguida, passou para um estado de tetraparesia, considerada uma lesão incompleta da vértebra.

O  tratamento inovador  desenvolvido na França consiste na implantação de um neuroestimulador que envia sinais elétricos leves através de eletrodos. O aparelho foi desenvolvido para auxiliar cadeirantes na recuperação do controle da bexiga e do intestino, mas, em alguns casos, a expectativa é de que ajude as pessoas a recuperarem os movimentos dos membros inferiores.

A técnica trazida pelo médico Lucélio Ramos, da Escola Paulista de Medicina, tem um custo de cerca de R$ 600 mil, já entrou para a lista de procedimentos da ANS (Agência Nacional da Saúde).

O engenheiro precisou entrar na Justiça para obrigar o convênio a arcar com os custos já que o tratamento ainda não é oferecido pelo SUS (Sistema Único de Saúde) ou garantido por seu plano de saúde.

A cirurgia realizada em maio foi um sucesso, os especialistas ficaram surpresos com o resultado: após 24 horas Bruno já conseguia as pernas.

Continua após anúncios...

Além do tratamento inovador, a força de vontade do paciente foi essencial. A certeza de que voltaria a caminhar o fez manter a força durante todos esses anos.

Fonte: R7

Se desejar, use os botões abaixo para compartilhar.

12 comentários em “Mineiro é o primeiro tetraplégico do Brasil a voltar a andar”

  1. Este tratamento já está sendo feito a quem se interessar? Ou está em fase de pesquisa ainda?
    Muito interessante!

  2. Neto Arruda

    Só um equívoco da reportagem ao mencionar lesão parcial da vértebra, na verdade, a lesão é na medula.

  3. Caro Gustavo Boedo, que excelente notícia para nós tetraplégicos! Gostaria de saber como faço para obter maiores informações sobre a técnica e também como conseguir o contato do Bruno Medeiros…
    Aguardo e muito obrigado!
    Douglas Kato

  4. maria madalena muniz de menezes

    tenho uma vizinha q esta passando p mesmo problema ,apois um acidente de carro,o sonho dela é voltar a andar….q boa noticia !!!! espero q breve venha para o sus….pois é bem caro,mais c certeza tem mts pessoas precisando….abssss

  5. Ana Paula Santos

    Gostaria de saber mais informações , tenho uma irmã sofreu acidente e ficou tretraplegica .

  6. Maravilhoso …..Deus abençoe…
    Meu marido fez uma cirurgia retirada de tumor na coluna e ficou com a bixiga sem funcionar isso ajuda nesse caso? Já faz um ano que a cirurgia foi realizada….obrigada

  7. Meu esposo sofreu um assalto faz 9 anos!!
    Ficou paraplégico, mas a vontade de andar foi tanta que recuperou uma das pernas.hoje está andando com órtese.Tenho certeza que iria recuperar 100%

  8. Rosimar souza

    Meu irmão ficou tetraplegico apis tentativa de homicidio .como faço pra ele conseguir essa cirurgia? Aguardo resposta

  9. José Hambus

    Sou tetraplegico, faz 2 ano que sofri um acidente numa piscina, recuperei quase todos os movimentos dos braços, preciso dessa cirurgia. Preciso de contato com o Bruno Medeiros ou dos médicos que fazem essa cirurgia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.