Jogadores lesionados voltam a treinar na reapresentação do Uberlândia

Léo Paraíba e Marcos Nunes trabalham com bola e com fisioterapeuta; Márcio treina com preparador de goleiros. Por outro lado, volante Jordã pode ficar fora do Módulo II

Sem treinar desde o último dia 2, na partida contra o Araxá, no Alto Paranaíba, o meia Léo Paraíba, o goleiro Márcio e o volante Marcos Nunes tiraram nesta segunda-feira, os tênis utilizados na fisioterapia para calçarem as chuteiras no Uberlândia. Enquanto os jogadores de linha fizeram um trabalho à parte no Centro de Treinamento Ninho do Periquito com o fisioterapeuta Thiago Lima, Márcio treinou normalmente com o preparador de goleiros, Brito. Por outro lado, o volante Jordã, que saiu no segundo tempo diante do Tricordiano, machucou o joelho.

Os retornos dos jogadores não significam que eles estarão em campo no próximo sábado, diante do Social. Primeiro, existe a questão clínica. Depois, o lado técnico.

– Provavelmente essa semana a gente consegue liberar o Marcos Nunes. Vamos avaliar o Léo melhor para saber se tem condições de jogo e esvaziar um pouco o DM (Departamento Médico). O Márcio volta a treinar normalmente junto com o grupo, mas continua fazendo a manutenção na fisioterapia porque tem um pouco de dor, mas não é problema – disse Thiago Lima.

Marcos Nunes, atacante, Uberlândia (Foto: Gullit Castro)
Marcos Nunes faz trabalho à parte no CT (Foto: Gullit Castro)

No que diz respeito ao aspecto técnico, o treinador Catanoce gostou das atuações dos jogadores que substituíram os titulares.

– Eles podem até sair do departamento médico, mas não significa que vão jogar. A gente quer contar com o grupo todo, o time foi muito bem nos últimos dois jogos, gostei muito. Isso não me preocupa. Me preocupo é em ganhar. Quem entrou, deu conta do recado.

O meia Léo Paraíba rompeu o ligamento posterior do joelho direito e tenta antecipar o retorno. No seu lugar, Fábio Pereira conseguiu bom desempenho nas vitórias sobre Araxá e Tricordiano. Caso tenha condições, Marcos Nunes, que se recupera de uma lesão no pé direito, tem boas chances de jogar. Duduzinho não conseguiu executar as mesmas funções do titular. No gol, Clebão também deve ser mantido.

LESÃO

O volante Jordã saiu de campo mais cedo no jogo diante do Tricordiano com dores no joelho. O atleta realizou exames nesta segunda-feira e receberá a resposta na terça. O fisioterapeuta do clube aguarda a ressonância magnética, mas suspeita que o jogador tenha rompido o ligamento anterior. Caso a hipótese seja confirmada, o atleta está fora do Módulo II do Mineiro.

Se desejar, use os botões abaixo para compartilhar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.