HUT é o primeiro hospital a utilizar guincho em sessões de fisioterapia

Aparelho pode oferecer vários benefícios aos pacientes.

O Hospital de Urgência de Teresina (HUT) é o primeiro a utilizar guincho durante as sessões de fisioterapia em pacientes internados. Esse equipamento, de acordo com o chefe da Fisioterapia do HUT, Ricardo Barros, pode trazer vários benefícios para esses pacientes, tais como a preservação do trofismo (força), tônus muscular, melhora na circulação sanguínea e status neurológico.

Além disso, ainda segundo Ricardo, o guincho possibilita a deambulação (ato de caminhar) do paciente, prevenindo assim a úlcera por pressão, que são lesões de pele graves, que podem surgir em pacientes acamados durante muito tempo.

“A fisioterapia do HUT trabalha para atenuar os processos degenerativos decorrentes de uma internação hospitalar prolongada, pois promove a manutenção da integridade muscular e a funcionalidade do corpo, tornando o paciente apto ao retorno social com suas atividades habituais”, explica.

A dona M.C., de 70 anos, é umas das pacientes que já está sendo beneficiada pelo novo equipamento. Vítima de um acidente vascular cerebral (AVC) isquêmico ela está há mais de um mês acamada na UTI do HUT e sem previsão de alta. “Nesses casos trabalhamos para atenuar qualquer tipo de sequelas incapacitantes que possam surgir durante a sua recuperação”, destacou Ricardo.

Gilberto Albuquerque, diretor geral do HUT, disse que o hospital está passando por uma renovação no seu parque tecnológico, adquirindo equipamentos de ponta que possam melhorar ainda mais a resolutividade e a qualidade do atendimento. “Já compramos outro tomógrafo, aparelhos de raio x, bombas de injeção para anestesia, arcos cirúrgicos e outros equipamentos que contribuem significativamente para a melhoria da qualidade da nossa assistência”, finalizou o diretor.

Edição: HUT

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.