Fisioterapia ajuda em doença incurável

Fonte: http://www.cmjornal.pt/

Estima-se que em Portugal as Ataxias Hereditárias afetem cerca de mil pessoas. Ataxia é um transtorno neurológico que se caracteriza pela falta de coordenação dos movimentos musculares voluntários e do equilíbrio, dificultando a execução de tarefas normais do dia a dia.

Progressivamente, os doentes perdem a coordenação e o equilíbrio da marcha e a coordenação nos movimentos finos das mãos.

A fala torna-se mais lenta e os movimentos dos olhos podem também ser afetados. Estes sintomas agravam-se com o passar do tempo e, para a maioria dos casos, não existe cura.

Desde o diagnóstico da doença, a movimentação autónoma dos doentes torna-se cada vez mais difícil, havendo necessidade, por vezes, de recorrer a um andarilho ou a uma cadeira de rodas.

A Ataxia é um sintoma, não uma doença específica. “As Ataxias Hereditárias são um grupo de doenças caracterizadas pela descoordenação dos movimentos voluntários. Os doentes perdem progressivamente a capacidade de realizar movimentos de forma suave e harmoniosa. As ataxias são causadas pela alteração do normal funcionamento do cerebelo”, explica Leonor Correia Guedes, médica neurologista no Hospital de Santa Maria.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.