Fisioterapeuta: Use aplicativos ou pereça!

Diversos sistemas multimídias (aplicativos) destinados à tecnologia móvel são desenvolvidos para área de saúde. Sistemas que complementam o ensino tradicional, auxiliam no diagnóstico, na gestão, realizam cálculos matemáticos complexos, dentre outras inúmeras possibilidades.

Na área da Fisioterapia ainda temos poucos aplicativos (App) validados cientificamente, entretanto, temos excelentes possibilidades nas mais diversas áreas do conhecimento, como por exemplo: ortopedia, terapia intensiva, pesquisa científica, anatomia, fisiologia.

Estamos na era do smartphone, temos que utilizar esse poderoso recurso ao nosso favor. Estudos mostram que os Apps facilitam o aprendizado (GALVAO et al, 2012), auxiliam na tomada de decisão (FERNANDES et al, 2012), e mais recentemente, no gerenciamento de cuidados à distância (PFAEFFLI et al, 2012).

O gerenciamento de cuidados à distância vem sendo utilizado na área de reabilitação física e nutrição, atendendo a subpopulações específicas como diabéticos e cardiopatas. Facilita a adesão ao tratamento, uma vez que aplicativos interativos podem auxiliar no acompanhamento e motivação do paciente.

Nós do Grupo de Pesquisas de Informática na Educação e Saúde da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (GPIES/UESB), juntamente com a Liga Transdisciplinar de Terapia Intensiva (LITTI), estamos trabalhando em Apps para dimensionamento de equipe em UTI, codificação da Classificação Internacional de Funcionalidade, Mobilização precoce de pacientes críticos, Diagnóstico Funcional em Fisioterapia, Diagnóstico Gasométrico, APACHE, entre outros (Visitem o Google Play e divirtam-se).

Fica a dica, conectem-se, use a tecnologia ao seu favor!!!

Saiba mais em:

GALVAO, Elizabeth Correia Ferreira; PUSCHEL, Vilanice Alves Araújo. Aplicativo multimídia em plataforma móvel para o ensino da mensuração da pressão venosa central. Rev. esc. enferm. USP, São Paulo , v. 46, n. spe, Oct. 2012 .

FERNANDES, Tiana Oliveira Vidal; QUEIROZ, Rodrigo Santos de; JESUS, Ramon Santana de; VASCONSELOS, Lucas Silva. Desenvolvimento de software para interpretação de dados gasométricos aplicável em unidades de terapia intensiva. Fisioter. Pesqui., São Paulo , v. 19, n. 2, June 2012 .

PFAEFFLI, Leila et al. A mHealth cardiac rehabilitation exercise intervention: findings from content development studies. BMC cardiovascular disorders, v. 12, n. 1, p. 36, 2012.

Dr. Rodrigo Queiroz

Fisioterapeuta Especialista em Terapia Intensiva

Professor da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – UESB

Autor do blog Mobilidade Funcional

(www.mobilidadefuncional.blogspot.com)

E-mail: rofisio@gmail.com

1 comentário em “Fisioterapeuta: Use aplicativos ou pereça!”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.