Fisioterapeuta faz sucesso na web ao perder 30 kg com ‘falsas guloseimas’

Leandra criou coxinha, pudim e outras pratos com ingredientes saudáveis.
‘Não fiz dieta e nem me matei na academia. Só substituí alimentos’, relata.

Quando subiu na balança e viu que tinha chegado aos 80 quilos, a fisioterapeuta Leandra Mello Pessoa, de 35 anos, decidiu que precisava mudar o estilo de vida.

Em um ano, ela perdeu 30 quilos. “Não fiz dietas e nem me matei na academia. Só substituí alimentos”, garante.

Trocando os ingredientes, ela criou novas receitas que fazem o maior sucesso nas redes sociais: tem coxinha, pão de queijo, pudim e sorvete. “Tudo fake”, brinca.

Fisioterapeuta de Ponta Grossa perdeu 30 quilos em um ano(Foto: Rodrigo Covolan)
Fisioterapeuta de Ponta Grossa perdeu 30 quilos em um ano(Foto: Rodrigo Covolan)

Leandra mora em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná.

A fisioterapeuta conta que, quando estava acima do peso, se sentia mal, principalmente, no trabalho. “Minha área é a saúde.

Era contraditório dizer aos meus pacientes que se cuidar é importante se nem eu mesma me cuidava”, explica.

Então, além de emagrecer, ela também decidiu que seria um modelo para eles.

Leandra não fazia ideia de como perderia os quilos extras.“Sempre fui gordinha, desde pequena.

Tentei todos os tipos de dieta e, mesmo sem ser muito fã de malhar, me matava na academia. Nada de ver resultados”, relata.

A fisioterapeuta conta que até perdia um pouco de peso, mas depois engordava tudo de novo.

Para casar, radicalizou: bebia água e comia só frutas, verduras e legumes. “Não adiantou nada.

Seis meses depois, engordei mais de 10 quilos”, lembra.

Substituição
Um dia, a fisioterapeuta teve a ideia de substituir os ingredientes originais das receitas por alimentos mais saudáveis.

Entretanto, os primeiros experimentos foram um desastre.

“Sempre gostei de comer bastante e trocar os itens foi um jeito que eu encontrei para me manter em forma mesmo ingerindo grandes porções de comida”, revela. Com o tempo, Leandra diz que “acertou a mão” e as receitas foram ficando mais saborosas.

O glúten, proteína encontrada em cereais, foi cortado de vez.

Os pratos que levavam farinha de trigo, agora, são feitos com farinha de arroz.

O óleo vegetal foi trocado por óleo de coco; o feijão, pela lentilha.

O arroz integral também passou a fazer parte do cardápio diário da ponta-grossense.

Já os produtos com baixa lactose foram priorizados.

“A substituição não é nenhum sacrifício. Posso dizer que é possível ser saudável comendo bem”, explica.

Leandra relata que o marido também passou a viver melhor depois que ela mudou a alimentação.

“Ele nunca teve problemas com o peso, mas, depois que começou a se alimentar melhor, diz que não tem mais nenhum tipo de desconforto alimentar”, afirma.

No começo, em jantares com os amigos, Leandra fazia uma refeição específica para ela e uma diferente para os outros.

Receita de Leandra que faz mais sucesso é o "pudim fake" (Foto: Leandra Mello Pessoa/Arquivo pessoal)
Receita de Leandra que faz mais sucesso é o “pudim fake” (Foto: Leandra Mello Pessoa/Arquivo pessoal)

Aos poucos, as visitas começaram a provar os pratos da fisioterapeuta.

“Eu não revelava quais ingredientes usava antes de eles comerem. Queria evitar o preconceito de que alimentos saudáveis não são saborosos. Depois que meus amigos comiam, e aprovavam, eu contava a receita”, diz.

Sucesso na web
Então, com a ideia de documentar o que criava, Leandra começou a postar fotos e os passos das receitas no Instagram.

Perfil de Leandra no Instagram tem mais de 35 mil seguidores (Foto: Reprodução/Instagram)
Perfil de Leandra no Instagram tem mais de 35 mil
seguidores (Foto: Reprodução/Instagram)

“Criei a conta com intenção de registrar as minhas experiências, não imaginava que faria tanto sucesso”,

afirma. Hoje, a fisioterapeuta tem mais de 35 mil seguidores na rede social e quase 800 publicações.

Entre as receitas mais famosas, está o “pudim fake”.

A receita leva ovos, leite sem lactose, água, açúcar demerara ou adoçante, leite em pó desnatado e essência de caramelo.

“Nada de leite condensado. E, posso garantir, o pudim fica com visual, textura e sabor muito parecidos com aquele feito pela nossa mãe”, afirma.

Ainda segundo Leandra, a coxinha preparada por ela também faz sucesso na internet.

Para a massa, ela conta que mistura ricota, farinha de arroz, óleo de canola e tempero pronto sabor legumes com baixo teor de sódio. Depois, o recheio é feito com frango cozido, temperado e refogado.

Em seguida, as coxinhas montadas são passadas em farinha de linhaça, sem passar no ovo.

“Sem fritar. O segredo é assar no forno até que elas fiquem douradinhas”, ensina.

Leandra diz que posta fotos para mostrar que, além de fazer, come tudo o que prepara.

“Se faço um bolo, posto uma foto dele inteiro e depois só do último pedaço. Quero mostrar que é possível emagrecer e ter uma vida saudável comendo bastante guloseimas”, afirma.

As receitas de bolos e tortas também aparecem frequentemente no Instagram: tem desde nega maluca até torta choco-ninho trufada.

A fisioterapeuta relata que sabe de três seguidoras do Instagram que comercializam as receitas criadas por ela.

“É bom ver que, além de inspirar a ter uma alimentação mais saudável, eu incentivo as pessoas economicamente. Fico empolgada ao ver as mulheres com mais saúde e ainda ganhando dinheiro. Alcancei meu objetivo: ser um modelo”, afirma.

coxinha

‘Outra pessoa’
Após perder os quilos extras, Leandra diz que, hoje, consegue manter seus 50 quilos com facilidade.

Ela segue substituindo os alimentos por itens mais saudáveis e pratica apenas ioga.

“Eu me sinto outra pessoa, me sinto mais jovem. Minha pele e meus cabelos mudaram. Não tenho flacidez nas pernas, no bumbum e nem no abdômen. Também tenho mais disposição para fazer as tarefas do dia a dia”, garante.

Para quem quer emagrecer, ela dá uma dica: não encarar as substituições como um sacrifício.

“A pessoa tem que pensar que é um novo projeto de vida, mais saudável. E tem que se dedicar a ele como se fosse um projeto do trabalho mesmo. Não tem como não dar certo. As minhas fotos estão aí para provar”, conclui.

Palavra de nutricionista
Segundo a nutricionista Alana Lehn Rossoni, as trocas feitas são bastante saudáveis.

“Pelo que vi, a Leandra não costuma utilizar nenhum tipo de ingrediente refinado, que, devido o processamento, perde seus nutrientes, como o pão branco, o arroz branco e outros. Ela também faz uso de alimentos integrais, que têm alto teor nutricional e auxiliam no melhor funcionamento do organismo, como as fibras”, explica.

Ainda de acordo com a nutricionista, frutas, vegetais, alimentos integrais, peixes in natura, cereais integrais e outros alimentos inseridos em um planejamento alimentar diário auxiliam na perda de peso, manutenção e promoção da saúde. “Vale sempre lembrar que aliar a atividade física é de extrema importância”, afirma.

Antes e Depois. 'Eu me sinto outra pessoa, me sinto mais jovem', diz Leandra (Foto: Leandra Mello Pessoa/Arquivo pessoal)
Antes e Depois. ‘Eu me sinto outra pessoa, me sinto mais jovem’, diz Leandra (Foto: Leandra Mello Pessoa/Arquivo pessoal)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.