Expulsão de fisioterapeuta motiva comunicado de “repúdio” pelo Vilaverdense FC

Fonte: http://vilaverde.net/

A direção do Vilaverdense FC (VFC) mostrou “repúdio” através de comunicado mas redes sociais, denunciando uma expulsão ao fisioterapeuta do clube quando este se encontrava a dar assistência a um jogador durante período de descontos.

O árbitro, João Santos (AF Porto), entendeu que o auxílio médico estaria a ser demorado e expulsou o membro do staff, mas a direção afirma que o jogador acabou por confirmar fratura do pé.

“Estamos certos que está foi uma atitude com contornos de falta de humanidade e sensatez” acusa o VFC, dizendo ainda que houve “falta de respeito pelo profissionalismo do fisioterapeuta”.

“Reiteramos o absoluto repúdio por este ato de profunda prepotência”, acrescenta o clube, gargarantindo manifestar “consternação” junto da FPF.

(Notícia completa na edição impressa do V, a 21 de dezembro)

Se desejar, use os botões abaixo para compartilhar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.