Crefito-14 participa do I Fórum dos Conselhos Regionais e Ordem das Profissões

Continua...

Visando unir demandas comuns aos Conselhos e Ordem de classes, aconteceu, nessa sexta-feira (23), na Sala do Conselho da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, o I Fórum dos Conselhos Regionais e Ordem das Profissões Regulamentadas do Estado do Piauí.

O evento contou com a presença do presidente do Conselho de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito-14), Marcelino Martins, membros da diretoria da entidade e cerca de 29 representantes de conselhos regionais.

O encontro debateu temas importantes para as diversas categorias profissionais ligadas às áreas da saúde, segurança pública, trânsito, contabilidade, urbanização, entre outros. Na ocasião, além de compartilhar experiências, os participantes também abordaram questões administrativas comuns às entidades, tais como falhas no sistema de Ensino à Distância (EaD), inadimplência elevada, número reduzido de pessoal e gestão e transparência no âmbito do Tribunal de Contas da União.

Em relação ao Ensino à Distância, uma comissão irá avaliar e fiscalizar as possíveis irregularidades por parte das instituições. Outras demandas coletivas foram estabelecidas e serão encaminhadas às autoridades competentes como Ministério Público, Governo do Estado, entidades ligadas à saúde, Câmara dos Deputados, Senado, Assembleia Legislativa, entre outras.

O presidente do Crefito 14, Marcelino Martins, avalia a iniciativa com positiva e profícua para todas as categorias profissionais e, principalmente, para a população que será beneficiada. Para ele, reunir todos os conselheiros de classe é um modo de reunir toda a sociedade piauiense através de representantes que atuam nos mais variados seguimentos.

“Há problemas comuns que vamos juntar força e conhecimento para que possamos atender aos anseios da sociedade, não só da área da saúde, mas os problemas comuns que afligem a população em geral, como transporte, acessibilidade, saneamento, atendimento da saúde e educação. Afinal, estamos trabalhando em prol da sociedade e por ela iremos cobrar das autoridades o aprimoramento das leis, colaborando, assim, com o desenvolvimento do estado do Piauí”, aponta Marcelino Martins.

Continua...

Ainda no encontro, os conselheiros também abordaram a necessidade de criar vantagens a partir da união das categorias, entre elas a promoção de convênios e parcerias a exemplo do que faz a OAB, ampliando o alcance dos benefícios a todos as categorias profissionais que integram o Fórum.

Se desejar, use os botões abaixo para compartilhar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.