Concurso de modelos de roupas adaptadas para pessoas com deficiência

Fonte: http://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2014/06/2-premio-catarinense-de-moda-inclusiva-abre-inscricoes.html

Estudantes de moda e design podem produzir modelos.
Prêmio integra Circuito Estadual, que será lançado nesta terça e quarta.

O 2º Prêmio Catarinense de Moda Inclusiva abriu inscrições para estudantes de moda e design que queiram projetar e produzir modelos de roupas adaptadas para pessoas com deficiência. O prêmio faz parte do Circuito Estadual de Moda Inclusiva, que será lançado nesta terça (10) e quarta-feira (11) em Florianópolis.

Estilista Fernanda Yamamoto é uma das atrações aguardadas para o lançamento (Foto: Circuito de Moda Inclusiva/Divulgação)
Estilista Fernanda Yamamoto é uma das atrações
aguardadas para o lançamento
(Foto: Circuito de Moda Inclusiva/Divulgação)

As inscrições para o Prêmio começam nesta terça (10) e vão até 29 de agosto. Os trabalhos selecionados serão premiados em um desfile em novembro, que encerra o circuito Estadual. “Neste período de 10 de junho a 30 de agosto a gente seleciona 20 estilistas e alunos de moda e eles vão montar o desfile de novembro”, explica Cláudio Rio, coordenador do projeto em Santa Catarina. Segundo ele, o objetivo principal do Circuito Estadual é levar palestras e debates com especialistas em Moda Inclusiva para o interior do estado e estimular a participação no prêmio. A primeira edição da premiação foi realizada em 2013 e não contava com o circuito.

O Circuito Estadual deve percorrer cinco cidades catarinenses com workshops e palestras voltadas a estudantes da área. “Uma das cidades é Florianópolis, com o lançamento. Já está confirmado Criciúma e Brusque. Será em julho na unidade do Senac desses municípios. Ainda não definimos as outras duas cidades, mas a ideia é que seja em locais que haja curso de moda para incentivar a participação no prêmio”, detalhou Rio.

A estilista paulistana Fernanda Yamamoto é uma das profissionais aguardadas para o lançamento do evento nesta terça. Além dela, a coordenadora do concurso internacional de moda inclusiva, Daniela Auler, a fisioterapeuta Dariene Rodrigues e a estilista Julia Sato devem participar do evento que começa às 19h desta terça na sede do Senac em Florianópolis, no Bairro Prainha, na área central da capital. Mais informações na página do evento.