AVALIAÇÃO E PREVENÇÃO DE LESÕES NO ESPORTE PARALÍMPICO

Dra. Andressa Silva (MG)

Departamento de Esportes – Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional – EEFFTO/Universidade Federal de Minas Gerais – Graduação – UFMG; Orientadora do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Esporte – EEFFTO/UFMG; Coordenadora do Centro de Referência Paralímpico Brasileiro no Centro de Treinamento Esportivo – CTE/UFMG.

PALESTRANTE CONFIRMADA

Contextualização: Ao longo dos últimos anos é notável a evolução técnica dos atletas paralímpicos, sendo que, nos últimos Jogos Parapanamericanos de Lima em 2019, o Brasil atingiu um recorde histórico conquistando o maior número de medalhas, sendo 124 de ouro, 99 de prata e 85 de bronze, totalizando 308 medalhas. Um dos aspectos que facilitou essa evolução foi a mudança de paradigma e a atuação de uma equipe multidisciplinar e com a participação efetiva e presente do fisioterapeuta na comissão técnica com atuações na classificação funcional paralímpica, na avaliação, na reabilitação e na prevenção de lesões de atletas paralímpicos.

Desenvolvimento: Para a atuação do fisioterapeuta nessa equipe técnica é importante o conhecimento e o entendimento do tipo de deficiência, da etiologia, respectiva sequela, a modalidade esportiva e sua classe funcional, principalmente porque é frequente a presença de comorbidades que podem comprometer a saúde em geral e de padrões sensório-motores que caracterizam disfunções, que podem ser consideradas como predisponentes às lesões esportivas, principalmente pelo fato de que muitas delas são irreversíveis com intervenções de qualquer ordem. Sendo esses pontos importantes para que seja possível fazer uma avaliação adequada para uma reabilitação de lesões esportivas e ainda na ação de programas de prevenção de lesões, no qual, recomendamos que sejam planejados de maneira individualizada devido à demanda e à capacidade de cada atleta paralímpico. Um dos aspectos ressaltados pela literatura em relação à prevenção de lesões é o entendimento dos fatores predisponentes (extrínsecos e intrínsecos) a essas lesões. Assim, o raciocínio clínico com base nas evidências científicas e na expertise do profissional para a tomada de decisão assume importância fundamental para que as intervenções propostas sejam eficazes e efetivas, sempre considerando as características do atleta paralímpico, os sistemas de treinamento e de competições.

Considerações finais: Assim, consideramos que a avaliação e a prevenção de lesões no esporte paralímpico é muito relevante diante de todas as condições inerentes à deficiência e à sequela, além das lesões e outras condições relacionadas à prática esportiva. No contexto relacionado à avaliação e a prevenção de lesões, faz-se necessária a avaliação fisioterapêutica do atleta paralímpico para conhecimento de todas as condições relacionadas com o tipo de deficiência, sua etiologia e respectivas sequelas, a modalidade esportiva e sua classe funcional. Em conjunto com as avaliações das outras áreas de atenção ao atleta paralímpico, há o direcionamento das intervenções para maximizar o rendimento e também minimizar o risco de lesões esportivas e outras condições que podem comprometer a saúde geral do atleta paralímpico.

Leitura complementar:

Silva A, Feitosa F, Melloni MAS, Lourenço TF, Alves MAF. Diretrizes para prevenção de lesões esportivas em atletas paralímpicos. In: Sociedade Nacional de Fisioterapia Esportiva e da Atividade Física; Bittencourt NFN, Lima POP, organizadores. PROFISIO Programa de Atualização em Fisioterapia Esportiva e Atividade Física: Ciclo 9. Porto Alegre: Artmed Panamericana; 2020. p. 83-145.

Silva A, Vital R, Mello MT. Action of Physiotherapy in Paralympic Sport. Rev Bras Med Esporte [Internet]. 2016;22(2):157-161. doi: 10.1590/1517-869220162202154214.

Silva A, Zanca G, Alves E, Lemos VA, Gávea SJ, Winckler C, Mattiello SM, Peterson R, Vital R, Tufik S, De Mello MT. Isokinetic Assessment and Musculoskeletal Complaints in Paralympic Athletes: A Longitudinal Study. Am J Phys Med Rehabil. 2015;94(10):768-774. doi:10.1097/PHM.0000000000000244.

Se desejar, use os botões abaixo para compartilhar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.