Dr. Átila Jordão Caldellas

O que faz na fisioterapia |

1º Angrense graduado fisioterapeuta, sendo homenageado pela Câmara de vereadores.
Atividade como profissional fisioterapeuta:
-A.B.B.R.- 1 ano.
-Associação Pestalozzi Angra dos Reis, 25 anos, sendo o 1º fisioterapeuta da Instituição.
-Iaserj (Centro de Gerontologia e Geriatria, Hospital Eduardo Rabelo) RJ, 11 anos.
-Unidade Hospitalar de Lídice (Rio Claro-RJ) 11 anos.
-Centro de Atividades Físicas AJC (Angra dos Reis) 2 anos.
-Consultório particular 26 ANOS.-Coordenador do Cerest-Big (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador da Baía da Ilha Grande).
-Atualmente fisioterapeuta da Prefeitura Municipal de Angra dos Reis – RJ.
-Autor do livro – FISIOTERAPIA GERAL UMA EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL. LIVRO MIX (Manual, técnico e prático).


Qual ano e em qual faculdade que se formou?
Me formei na FRASCE em agosto de 1984.  Sou de Angra dos Reis – RJ

Qual foi a melhor coisa que fez na vida?
Ter participação em reabilitações de vários indivíduos com sucesso e ter levado a fisioterapia para o interior onde a população não tinha acesso.

Qual foi a pior coisa que fez na vida?
Não lembro. Acho que nada!

O que você mais gosta na profissão?
Ajudar a quem precisa, principalmente as crianças mais carentes e idosos.

O que você odeia na profissão?
A falta de condições de trabalho tanto de espaço físico, como de aparelhos.

Que qualidade mais admira nos profissionais que te cercam?
Humildade e superação de problemas.

Que qualidade mais detesta nos profissionais que te cercam?
Falsidade e pessimismo.

Qual sua maior virtude?
Acreditar e lutar sempre por dias melhores.

Qual seu pior defeito?
Minha pequena deficiência auditiva.

Se pudesse mudar algo, o que seria?
Ter evitado meu acidente de moto.

Qual maior mentira já contou?
Faz muito tempo, quando matava aula e meu pai perguntava se tinha ido.

Qual fato foi mais inusitado em sua carreira?
São vários e estão todos no meu livro. Vale a pena ler.

Qual fato foi o mais cômico?
Quando fazia estágio na ABBR, atendia um paraplégico de 9 anos. Certo dia quando chegava na ABBR vi o garoto entrando andando no seu quarto. Estranhei o fato e fui direto para falar com ele. Lá chegando vi o menor sentado em sua cadeira de rodas. Perguntei para sua avó que o acompanhava se era ele que estava andando, foi aí que ela perguntou se eu não conhecia o irmão gêmeo do seu neto o qual me apresentou. Foi aí que caiu a ficha e achei graça do acontecido.

Qual seu maior arrependimento?
Escutar música alta e prejudicar minha audição.

Qual dica daria aos colegas?
Acredite sempre no seu potencial. E lute por nossa profissão.

Qual objeto de desejo?
Iate para navegar em minha Angra dos Reis.

Qual sua aquisição mais recente?
Uma moto 1340cc Hayabusa.

Qual seu maior sonho?
Ver meu filho se formar em medicina daqui a 2 anos.

Qual seu maior pesadelo?
Não levo a sério pesadelos.

Que talento mais gostaria de ter?
Ser músico de banda de rock.

Se não fosse fisioterapeuta gostaria de ser o que?
Cirurgião Ortopedista

E qual profissão jamais queria ter?
Coveiro

Diga uma frase para por em nossa seção de frases.
Não sejamos felizes, sem que os outros os sejam também (Dr Liborne).

Diga um desafio?
Lutar e conquistar uma remuneração justa para a profissão.

Um livro?
Meu livro Fisioterapia Geral uma Experiência Profissional.

Quer fazer alguma divulgação?
Entre em contato comigo o livro só é vendido por email: atila-caldellas@bol.com.br

Se desejar, use os botões abaixo para compartilhar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.