Alunos do curso de Fisioterapia recebem premiação em Simpósio

Nove alunos do curso de Fisioterapia da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc) conquistaram o primeiro lugar na categoria de melhor pôster no Simpósio de Especialidades promovido pela Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul. O evento ocorreu nos dias 18 e 19 de agosto em Gramado. Os alunos apresentaram o trabalho intitulado ‘Estilo de vida e fatores de risco em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca no Vale do Rio Pardo’.

A coordenadora do projeto, Andréa Lúcia Gonçalves da Silva, explica que o grupo de pesquisa “Vigilância, Prevenção e Reabilitação em Doenças Cardiorrespiratórias” vem desde 2016 aprimorando a linha de pesquisa e iniciaram, após a aquisição do equipamento Apneialink®plus, a avaliação do sono dos portadores de doenças respiratórias (DPOC) através da pesquisa “Distúrbios do Sono, Cardiorrespiratórios e Físico Funcional em portadores de DPOC: um estudo de base fisiológica”.

Também foram avaliado os distúrbios do sono em pacientes que foram submetidos à cirurgia cardíaca no Hospital Santa Cruz (HSC). “O resultado deste trabalho foi premiado na Semana de Iniciação Científica da Unisc, e publicado na revista Jovens Pesquisadores em 2016 e Premiado novamente no evento da SOCERGS em 2017. Nós também recém publicamos um capítulo de livro sobre o assunto (Capitulo do Livro PROFISIO: Distúrbios Respiratórios do Sono no Contexto das Doenças Cardiovasculares- in press)”, explicou a coordenadora.

Com foco na maneira pela qual um indivíduo leva sua vida após uma cirurgia cardíaca, o resumo apresentado no Simpósio buscou classificar o estilo de vida e o risco cardiovascular dos pacientes participantes do Programa de Reabilitação Cardíaca do HSC – sem nenhum custo adicional. A partir destas análises, os resultados mostraram que, apesar de possuírem um estilo de vida categorizado como “Muito bom”, esses pacientes ainda apresentam propensão a eventos cardiovasculares por outros indicadores. Sendo assim, é necessário que seja realizado um acompanhamento após o procedimento cirúrgico para a adoção de um estilo de vida regrado.

Os acadêmicos que compõe o grupo de pesquisa são Elisabete Antunes San Martin, Darion Ferreira, Paloma Schneider, Douglas Alex Weiss Marins, Cassia da Luz Goulart, Guilherme Dionir Back, Kamilia Mohammad Kamal Mansour, Valber da Silva Lopes e Leonardo Nunes. Além dos alunos, participam as fisioterapeutas Pamela Alves Maciel e Lisiane Lisboa e a professora coordenadora do projeto de pesquisa, Andréa Lúcia Gonçalves da Silva.

Se desejar, use os botões abaixo para compartilhar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.