Aconteceu na Clínica – Fisio das Estrelas

Fisioterapeuta, chegou o Fisio.app | Aplicativo para fisioterapeutas. Baixe agora mesmo em www.fisio.app,

A difícil arte de ser fisioterapeuta, pode se escrever um tratado certo? Uma profissão em que maioria das pessoas não conhece, não entende e acha que pode fazer em casa vendo vídeo do youtube.Vídeo este feito por algum fisioterapeuta que acha que pode tratar o paciente sem avaliar. Claro, que dicas e vários tipos de orientações sempre são bem vindas. Mas para por ae. E pensar que a grande preocupação para alguns seria não filmar seus atendimentos. Isso só causa mais desconhecimento da nossa profissão.

E o tão secreto e silencioso momento quando alguém vê um paciente sendo tratado de algum distúrbio cardiovascular e pergunta: Mas fisio faz isso? Fisioterapia é tão ampla que poderia ter uma enciclopédia sobre os vários caminhos dentro da fisioterapia. Acham que você pode fazer ou é diversas coisas, então se depara com dúvidas como: não é massagista? E você responde:não é massagista, não é esteticista, não é mágico, nem psicólogo e nunca foi nutricionista. Há quem diga que faz mas eu nunca vi fazer milagres. Mas será que todos nós sabemos disso?

Ao longo da profissão vão surgindo os métodos que comercialmente tem um respaldo muito grande e são métodos excelentes principalmente quando aplicados por um fisioterapeuta, como o Pilates, ou o famosíssimo método RPG, apesar de que o Busquet, também francês é fantástico. Até nas cadeias musculares tem variações, porque na cinesiologia não teria?

Coisas que você aprende durante os anos de profissão: Microfisioterapia não é fisioterapia para pessoas pequenas, osteopata é sim fisioterapeuta, mas as vezes ele mesmo se esquece disso. Ou seja, quando as opções são imensas, as possibilidades incalculáveis, fica a grande questão, como conseguir seguir um caminho dentro dessa profissão?

Então surgiram os diversos métodos, certificados, cursinhos de final de semana e é tanta coisa que não se sabe mais nem mensurar o ultrassom. Ah, o ultrassom outrora a espada de batalha de todo fisioterapeuta. Então como se não bastassem surgem os convênios. Nada contra os que pagam devidamente, porém porque atender por convênios que não pagam um valor devido? Nos tornamos reféns desses convênios e temos que nivelar por baixo os valores e preços, e inclusive escravos nos próprios atendimentos ( tendo que atender mais pacientes ao mesmo tempo), já do outro lado os pacientes se tornam também reféns dos convênios. Quem nunca ouviu a famosa frase: eu já pago o convênio, não vou pagar particular.

Desta forma, eu inventei um conceito, o Fisio das Estrelas. Quando falo Fisio das Estrelas, é que nossos pacientes são as verdadeiras estrelas, eles que nos guiam nessa profissão, eles que nos direcionam nessa imensidão. Basta nos analisarmos porque só amar a fisio não basta, é preciso ter uma direção.

O

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.